Quarta, 17 de Agosto de 2022
Trânsito Mobilidade

Vendas de veículos usados tiveram alta de quase 30% em março

Em contrapartida, no acumulado do ano, houve uma retração de 22,8%

09/06/2022 às 11h45 Atualizada em 28/07/2022 às 10h32
Por: Redação Fonte: Agência Dino
Compartilhe:
Foto: Reprodução Internet
Foto: Reprodução Internet

Segundo a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), pelo portal iG, as vendas de veículos usados tiveram alta de quase 30% em março, em comparação com o mês anterior. Na comparação com o mês de março do ano passado, a queda foi de 12,2%. No acumulado, queda de 22,8%. Em relação às negociações de motos usadas, houve um avanço de 32,5% ante fevereiro, e, de ônibus, o número também foi superado, comparado a esse mesmo mês, chegando a 28%. Já os autos e comerciais leves com até 3 anos de fabricação foram responsáveis por 10,4% das transações de março. No acumulado, 9,9%.

 

 

Venda de veículos elétricos avança 115% no 1º trimestre deste ano

 

Ainda com relação a carros usados, segundo a Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE), a pelo Metrópoles, a comercialização de veículos elétricos avançou 115% no 1º trimestre deste ano ante o mesmo período do ano passado, com 9.844 veículos vendidos, em comparação com 4.582, no primeiro trimestre do ano passado. Março foi o melhor mês da série histórica calculada pela ABVE. As vendas de veículos eletrificados apenas foram maiores em dezembro e agosto do ano passado.

 

Segundo a associação, a frota de elétricos no país pode alcançar 100 mil veículos neste semestre, contando com os 86.986 comercializados no Brasil. No primeiro trimestre a comercialização de veículos híbridos flex e etanol fabricados pela Toyota no Brasil foi alavancada, representando 65% das vendas concretizadas em março.

 

62% dos brasileiros têm preferência por veículos elétricos

 

Ainda sobre veículos elétricos, segundo pesquisa realizada pelo Itaú Unibanco, pelo Lorena, mais de 50% dos brasileiros apresentam interesse em ter um veículo elétrico em breve. O resultado do levantamento feito em janeiro foi indicado no dia 18 de fevereiro deste ano e contou com cerca de 100 mil usuários. A pesquisa, com uma margem de erro de 5 pontos percentuais, apurou que 62% dos clientes entrevistados demonstraram tendência em adquirir carros elétricos.

 

Conforme dados da Associação Brasileira de Veículo Elétrico (ABVE), o licenciamento de carros elétricos avançou para 2,5 mil no Brasil. A quantidade de veículos desse porte em circulação, na ocasião, era cerca de 80 mil. Ainda, o resultado representa apenas informações sobre janeiro. Além disso, os custos de veículos eletrificados e híbridos passam de R$ 150 mil no país. Ressalta-se que 368 unidades de veículos elétricos foram fabricadas, vencidas e licenciadas apenas em janeiro. Os modelos híbridos representam 2.190 unidades; em 2021, 140 unidades de veículos elétricos e 1.181 de modelos híbridos. Em contrapartida, a venda de veículos Flex diminuiu de 138,2 mil unidades para 94,9 mil.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários