Terça, 27 de Outubro de 2020 20:15
61 99574-8903
Segurança Segurança

Alvorada do Gurgueia/PI: PRF recupera na BR 135, caminhão que havia sido tomado de assalto por quadrilha interestadual especializada em assalto a carga

O veículo de carga, que estava estacionado em uma residência às margens da rodovia, apresentava os elementos de identificação adulterados e havia sido tomado de assalto na Bahia no dia 21/04/2020 por homens armados. Um dos integrantes da quadrilha foi preso no dia anterior(22) na Bahia pela Polícia Militar com outra carreta roubado.

24/05/2020 19h20
Por: Redação Fonte: Agência PRF
Foto: PRF
Foto: PRF

Policiais Rodoviários Federais recuperaram, na tarde de ontem(23), um veículo de carga que havia sido tomada de assalto na Bahia . A ação foi desencadeada quando os policiais realizavam fiscalização de rotina na rodovia BR 135 no município de Alvorada do Gurgueia/PI.

Os policiais verificaram um veículo de carga tipo cavalo-trator SCANIA/G 470 A 6X4 estacionado em uma residência às margens da rodovia, quando iniciaram os procedimentos de verificação. Os policiais constataram que os elementos de identificação estavam adulterados. Ao realizar uma verificação mais minuciosa, os policiais constataram que o veículo havia sido tomado de assalto no dia 21/04/2020 no município de Lençóis/BA.

Indagado pelos policiais, a proprietária da residência informou aos policiais que um familiar seu havia deixado o veículo há cerca de trinta dias, informando que ele apresentou problemas mecânicos. Os policiais verificaram a identificação do familiar e constataram, através de contatos com a Polícia Militar da Bahia, que se tratava de um integrante de uma quadrilha interestadual especializada em assaltos a carga nos estados do Piauí e Bahia. O homem havia sido preso pela Polícia Militar da Bahia, no dia anterior(22) em Itaberaba/BA, com outro veículo de carga roubado e encontra-se preso naquele município.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.