Quarta, 28 de Outubro de 2020 23:42
61 99574-8903
Mulheres na Boleia Coragem

Superação, garra e determinação fazem da caminhoneira Viviane Silveira uma mulher cheia de vitórias

A caminhoneira é mãe de quatro filhos e tem uma neta de dois anos

13/06/2020 08h48
Por: Camila Pimentel
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Viviane Silveira é uma caminhoneira que tem uma história peculiar e que chama atenção por sua garra e vontade de vencer na vida. Mãe de quatro filhos e avó de uma menina de dois anos de idade, cria os filhos e a neta com muita luta e determinação. É por essa família que ela enfrenta os desafios da estrada, pois quer oferecer uma educação de qualidade e uma vida confortável para eles.

 

"É pela minha família que me levanto cedo todos os dias para trabalhar", afirmou a caminhoneira.

 A caminhoneira faz questão de afirmar ainda que é muito feliz e realizada na profissão que escolheu. Foi aos 11 anos de idade, na cidade de Barra do Bugre - MT, em meio a uma plantação de cana de açúcar que Viviane olhou para um caminhão e decidiu que um dia ia ser motorista. 

Criada pelos avós, pois perdeu a mãe aos seis anos de idade, Viviane seguiu a vida, casou, teve filhos e se separou. Após a separação resolveu que havia chegado o momento de tirar sua carteira categoria "E".

Viviane hoje trabalha na empresa Gigliotti Transportes e ao relembrar sua primeira viagem sozinha dirigindo uma carreta bitrem disse que sentiu medo, mas enfrentou esse sentimento e conseguiu chegar bem ao destino. Ela saiu de Rondonópolis-MT, cidade em que mora, até Peixoto de Azevedo -MT com uma carreta carregada de insumos agrícolas e cumpriu a sua missão com maestria. E, ao final da sua primeira viagem ela olhou para o céu e agradeceu a Deus por sua vitória.

 

Mas, ser motorista hoje no Brasil significa superar tribulações, e Viviane afirmou que a falta de infraestrutura das estradas com muitos buracos. dificulta muito a vida dos motoristas de caminhão. Ela também relata algumas dificuldades sobre a falta de banheiros para mulheres e também sobre segurança. "Esse mundo das estradas não está preparado para receber nós mulheres. Não há banheiro feminino e nem lugar que nos deixe dormir em segurança. Sem medo dos assaltos", disse a caminhoneira.

A caminhoneira também fala que enfrenta muito preconceito e que muitos ainda pensam que lugar de mulher é em casa. "Mas nós mulheres somos capazes sim, estamos lutando pelo sustento da nossa família e para conquistar o nosso espaço", ressaltou Viviane.

Ela também fala sobre um tema muito polêmico e que causa constrangimento em muitas mulheres, que é a questão do assédio. Os comentários e olhares do universo masculino chegam a ser indiscretos e desagradáveis.

No entanto,  apesar das dificuldades Viviane garante que adora o que faz e que não imagina em seguir outra profissão. Ela é uma mulher de coragem que ama ser caminhoneira.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.