Terça, 20 de Outubro de 2020 10:59
61 99574-8903
Segurança Segurança

PRF apreende carga avaliada em mais de R$ 300 mil na BR174 (Manaus/AM)

Entre os itens apreendidos estão: 12 mil pares de meias, 200 camisas importadas, 100 mochilas, 500 relógios digitais, mais de 3 mil películas protetoras, mais de 1 mil capas para celular, mais de 2 mil unidades de bonés importados, todos sem nota fiscal e muitas mercadorias supostamente falsificadas, além de 450 kg de camarão mal acondicionado.

15/06/2020 07h43 Atualizada há 4 meses
Por: Redação Fonte: Agência PRF
Foto: PRF
Foto: PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu na noite desta quinta-feira (11) um caminhão com uma carga avaliada em mais de R$ 320.000,00 no KM 884 da BR 174, município de Manaus/AM.

O Núcleo de Operações Especializadas do Amazonas (NOE – AM) realizava fiscalização de combate ao crime quando abordou um caminhão que saía da cidade de Manaus no início da BR 174 que tinha como destino o estado de Roraima.

Durante abordagem a equipe solicitou a conferência da carga e das notas fiscais referentes à mercadoria do interior do baú. Diante dessa ação foi constatada, em princípio, os policiais perceberam irregularidades no acondicionamento e falta de documentos fiscais de grande parte dos produtos e observaram a grande quantidade de embalagens de origem estrangeira.

Na carga além dos diversos produtos sem origem, configurando, em tese, o crime de transporte de mercadoria nacional sem Nota Fiscal, foi encontrada uma carga de 450 kg de camarão fresco acondicionados de maneira irregular, configurando, em tese, Crime contra as relações de consumo.

Mercadorias Falsificadas e Etiquetas Anatel

Os policiais então decidiram realizar uma fiscalização mais minuciosa no interior do veículo vindo a encontrar diversas mercadorias que apresentavam sinais de falsificação e mercadorias com inscrições de origem estrangeira caracterizando o crime de Descaminho.

Também foram encontradas duas cartelas de etiqueta da ANATEL, supostamente falsas, configurando, em tese, crime de Falsificação do Selo ou Sinal Público.

Órgãos de apoio

Após constatar os diversos crimes, a equipe encaminhou o condutor para a Polícia Federal (PF) onde foi apresentado para os procedimentos cabíveis. Ao chegar na Superintendência da PF outros órgãos foram acionados para realização de triagem das mercadorias bem como os devidos enquadramentos e classificações das mercadorias.

Apreensões

POLÍCIA FEDERAL 

• 200 óculos de sol supostamente falsos
• 2 caixas com aproximandamente 50 baterias de celular cada,ostentando as marcas Samsung e Motorola,
supostamente falsas
• 2 cartelas de selos da ANATEL, supostamente falsas
• 6 caixas e duas sacolas de bonés, com aproximadamente 2380 unidades, ostentando diversas marcas
supostamente falsos
• 1 DANFE relacionado aos bonés

SEFAZ – AM

• 1 caixa com 130 bolas esportivas sem nota fiscal
• 12 mil pares de meias sem nota fiscal
• 600 unidades de essência veicular sem nota fiscal
• 320 peças de roupas sem nota fiscal
• 384 coleiras sem nota fiscal

RECEITA FEDERAL

200 camisas sem nota e importadas de maneira irregular
• 100 mochilas sem nota e importadas de maneira irregular
• 70 capas protetoras de celular ostentando as marcas Apple e Samsung sem nota e importadas de maneira
irregular
• 40 tubos de cola sem nota e importadas de maneira irregular
• 500 relógios digitais sem nota e importadas de maneira irregular
• 63 displays de telefone para subtituição sem nota e importadas de maneira irregular
• 3125 películas protetoras de celular sem nota e importadas de maneira irregular
• 1090 capas para celular diversos sem nota e importadas de maneira irregular

VIGILÂNCIA SANITÁRIA

450 kg de camarão fresco acondicionados de forma irregularidade
• 600 potes de 240g de sebo de carneiro
• 600 potes de 240g de copaíba em gel
• 1200 potes de 240g mastruz
• 120 potes com 240g de gel massageador “O Legítimo”
• 10 frascos com 180g de sabonete facial “Mulateiro”
• 19 bisnagas de 120g clareadores de axilas e virilhas esfoliante “Beleza da Floresta” e 10 bisnagas de 120 g de creme para rachadura com Vit A e E e Ureia “Beleza da floresta”
• 768 potes de 250g de creme massageador cartilagem de tubarão “Bell Corpus Cosméticos”

Enquadramentos

Transporte de mercadoria nacional sem nota fiscal, Descaminho, Falsificação do selo ou sinal público, Crime contra as relações de consumo, Importar, exportar, vender, oferecer, expor à venda, ter em estoque produto assinalado com marca ilicitamente reproduzida.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.