Quinta, 22 de Outubro de 2020 23:35
61 99574-8903
Geral Infraestrutura

DNIT conclui os serviços de manutenção nas eclusas de Três Irmãos

Vazamentos nas tubulações de uma das câmaras motivaram a interdição do sistema para realização dos serviços

17/06/2020 14h55 Atualizada há 4 meses
Por: Redação Fonte: DNIT
Foto: DNIT
Foto: DNIT

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), por intermédio da Administração da Hidrovia do Paraná (AHRANA), concluiu a manutenção na tubulação da sala de válvulas da eclusa II do sistema de transposição de nível da Eclusas de Três Irmãos. O serviço consistiu na substituição da tubulação que apresentava elevado grau de corrosão com a ocorrência de vazamentos significativos em diversos pontos, uma condição de insegurança com risco iminente de ruptura e inundação dos equipamentos e painéis do sistema.

 

Para início do processo de manutenção corretiva, foi necessário o esvaziamento total da eclusa. A equipe técnica da empresa responsável pela manutenção realizou as atividades de posicionamento dos stoplogs da Eclusa II, bem como o resgate dos peixes durante a manobra de esvaziamento. Com a eclusa totalmente esvaziada, foi possível iniciar as atividades de corte, desmontagem e substituição das estruturas comprometidas.

 

Com a paralisação do sistema, as equipes do DNIT realizaram a manutenção em outros itens críticos como as bombas de esgotamento das galerias e borrachas de vedação de uma das portas da eclusa.

As operações de transposição de embarcações nas Eclusas de Três Irmãos estavam suspensas desde junho do ano passado e com a conclusão dos serviços o sistema está apto a retomar as transposições a partir desta semana.

PROECLUSAS - As Eclusas de Três Irmãos estão incluídas no rol de eclusas que serão submetidas a um diagnóstico amplo em suas estruturas civis, elétricas e hidromecânicas visando a contratação de serviços de manutenção corretiva, bem como a estruturação do modelo de contratação dos serviços de operação e manutenção de rotina de longo prazo. Essa atividade integra as ações do programa intitulado Proeclusas, da Diretoria de Infraestrutura Aquaviária do DNIT, que visa regularizar as pendências observadas nestas estruturas, atuando nas esferas técnica, administrativa e de gestão e provendo um novo formato de governança para estes empreendimentos.

Hidrovia Tietê Paraná - A hidrovia Paraná-Tietê atravessa os estados de São Paulo, Paraná, Mato Grosso do Sul, Goiás e Minas Gerais. Ela está integrada a rodovias, ferrovias e dutovias regionais e federais, em um sistema multimodal de escoamento da produção agrícola da região, onde é gerada quase a metade do PIB brasileiro.

O sistema formado pelas duas hidrovias tem oito eclusas em funcionamento, sendo 06 (seis) no rio Tietê: Barra Bonita, Bariri, Ibitinga, Promissão, Nova Avanhandava e Três Irmãos e outras 02 (duas) no rio Paraná. Jupiá e Porto Primavera. Destas, apenas as eclusas de Três Irmãos e Jupiá estão sob gestão do DNIT.

Segundo dados disponíveis no portal da ANTAQ, em 2019 foram transportadas cerca de 5,6 milhões de toneladas pela hidrovia.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.