Sábado, 10 de Abril de 2021 08:35
61 99574-8903
Mulheres na Boleia Sonho

Caminhoneira destaca seu sonho de dirigir caminhão desde criança

Luana Paiva hoje dirige um bitrem

06/03/2021 09h12 Atualizada há 3 semanas
Por: Camila Pimentel
Caminhoneira destaca seu sonho de dirigir caminhão desde criança

O universo dos caminhões já fazia parte do cenário de infância da caminhoneira, Luana Paiva. Ela, que está a nove anos na profissão, fez questão de dizer que dirigir caminhão era um sonho ainda no tempo de criança. “Desde criança sonho com caminhões. Na infância meus brinquedos eram caminhões. Até hoje meus pais não sabem dizer porque eu gostava tanto de caminhão, já¡ que na minha família não tem ninguém caminhoneiro. A primeira caminhoneira da família sou eu”, afirmou.

Luana nasceu na cidade de Santo Antônio da Platina, no Paraná, e mora até hoje lá. Mas ela trabalha na empresa Horizonte Logística e Transportes, que está localizada na cidade de José Bonifácio, no Estado de São Paulo, e quando ela está de folga volta para sua cidade natal. 

A caminhoneira, que fez sua primeira do município de Xanxerê-SC para Paranaguá-PR carregada com soja, contou ainda que iniciou sua vida na estrada aos 20 anos. “ Tudo aconteceu quando eu tinha 20 anos e comecei a dirigir  um Mercedes 1113 na minha cidade. Fazia são minha região. Mas quando completei 21 anos consegui minha CNH categoria ‘E’, foi aí que comecei a trabalhar num bitrem graneleiro e cai no mundo, onde estou até hoje”, disse Luana. 

Sobre os desafios da estrada afirma que a falta de estrutura para mulheres é um dos principais problemas. “ Têm vários desafios e cada carga é uma novidade. Sem falar  que hoje a maioria das empresas não estão preparadas para nos receber. Mas, espero que isso um dia mude”, ressaltou Luana.

Em relação à família, Luana, que é a ficha caçula, falou que é o seu porto seguro e apoio. “ Quando comecei minha mãe quase ‘infartou’, pois sou a caçula e quando ela viu o tamanho do caminhão que a menininha dela pegou ficou apavorada. Hoje já se acostumou comigo no mundão e estou sempre nas orações dela”, garantiu a caminhoneira. 

Luana afirma ainda que é muito feliz na profissão que escolheu. “ Sou muito feliz e era meu sonho dirigir caminhão. Me sinto realizada, pois  faço o que gosto faço com amor e muita dedicação. Caminhão é minha paixão”, destacou. 

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.