Sábado, 08 de Maio de 2021 19:39
61 99943-0207
Segurança Transporte Improprio

Em Ubatuba, PRF prende que homem que transportava alimentos em condições impróprias

Foram encontrados alimentos como carne e derivados de leite, que, segundo o condutor, seriam entregues nas cidades de Ubatuba/SP e Parati/RJ

17/03/2021 14h41
Por: Redação Fonte: PRF
Foto : Divulgação/PRF
Foto : Divulgação/PRF

Na manhã desta terça-feira (16), no km 31 da BR 101, no município de Ubatuba/SP, a Polícia Rodoviária Federal prendeu um homem de 48 anos que transportava diversos alimentos em condições impróprias para o consumo. Os policiais também constataram que o aparelho de refrigeração da van estava quebrado.

Ao ser questionado, o condutor alegou que realizava o transporte de gêneros alimentícios com frequência, e que havia retirado os produtos na cidade de Caraguatatuba/SP na parte da manhã, devendo entregá-los nas cidades de Ubatuba/SP e Parati/RJ ao longo do dia.

A Vigilância Sanitária de Ubatuba compareceu ao local da abordagem e confirmou a impropriedade dos produtos, constatando que os alimentos transportados estavam acondicionados sem condições de higiene adequadas, pois a deficiência do aparelho de refrigeração não proporcionava a temperatura mínima exigida para o acondicionamento e transporte.

Os alimentos totalizaram 200,33 kg de carnes e derivados, 148,17Kg de derivados de leite e 123,5Kg de raízes e legumes (que estavam congelados), totalizando 472 kg de alimentos. O material foi atestado como impróprio para o consumo e apreendido para inutilização pela Vigilância Sanitária.

Diante disso, o condutor do veículo foi levado para a Delegacia de Polícia Civil de Ubatuba, onde foi preso em flagrante pela prática do crime contra as relações de consumo (art. 7º da Lei 8.137/90), que prevê pena de reclusão, de 2 a 5 anos, ou multa. O crime é inafiançável.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.