Sábado, 08 de Maio de 2021 19:28
61 99943-0207
Geral Geral

Obras na pista do Aeroporto do Vale do Aço serão retomadas

Intervenções devem durar cerca de 120 dias e vão contribuir para o desenvolvimento econômico do local

30/03/2021 13h31 Atualizada há 1 mês
Por: Redação Fonte: Secom Minas Gerais
Divulgação / Seinfra
Divulgação / Seinfra

Governo de Minas Gerais vai retomar as obras de restauração do pavimento da pista de pouso e decolagem do Aeroporto de Ipatinga (SBIP), no próximo dia 8/4. A recuperação definitiva do espaço, a cargo da  Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra) e do  Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER-MG), é uma antiga demanda da região, já que o equipamento tem grande importância para a geração e a manutenção de negócios no Vale do Aço.

Serão investidos R$ 13,2 milhões, sendo R$ 12 milhões oriundos de repasse da União, por meio da Secretaria Nacional de Aviação Civil (SAC), e R$ 1,2 milhão de contrapartida do Estado.

Será feita a restauração do pavimento da pista de pouso e decolagem, da área de taxiamento, do pátio de aeronaves, além da execução de uma nova sinalização horizontal dos locais mencionados. As obras foram programadas para começar após o período chuvoso, para garantir mais eficiência na realização. A previsão é que os trabalhos sejam finalizados em até 120 dias.

“Finalmente vamos trazer uma solução definitiva para a pista do Aeroporto do Vale do Aço. Em breve, entregaremos um equipamento preparado para contribuir substancialmente com o desenvolvimento econômico de toda a região”, afirma o secretário de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Fernando Marcato.

Plano diretor

Além das obras, outra medida que vai contribuir para alavancar o desenvolvimento do aeródromo é a contratação do Plano Diretor do Aeroporto Regional do Vale do Aço.

Conduzido pela  Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana do Vale do Aço (ARMVA), o plano consiste em uma série de estudos e avaliações das potencialidades para o desenvolvimento do aeroporto. O documento vai orientar a captação de investimentos em expansão e modernização do equipamento.

A expectativa é que o Aeroporto Regional do Vale do Aço passe a ser o 2º maior no interior do estado, trazendo, entre outros benefícios, sustentabilidade financeira, ampliação das empresas aéreas que atuam regularmente no local – gerando competitividade e redução das tarifas - e a integração do Vale do Aço à malha aérea nacional.

Aeroporto

Criado em 1959 e em operação desde 1977, o Aeroporto de Ipatinga (SBIP) foi projetado pela Usiminas, inicialmente para servir aos funcionários da siderúrgica. Situado a 7 quilômetros de Ipatinga, o aeroporto atende à Região Metropolitana do Vale do Aço e ao colar metropolitano, onde se concentram grandes indústrias, como Usiminas, Cenibra, Aperam e ArcelorMittal.

Devido à sua localização, o aeroporto tem uma boa parcela de contribuição no crescimento da Região do Vale do Aço, sendo uma das principais formas de acesso de empresários e funcionários dos complexos industriais locais.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.