Terça, 18 de Maio de 2021 09:06
61 99943-0207
Geral São Paulo

SP recebe representantes do setor de transportes para ouvir pleito sobre vacinação

Líderes do Governo de São Paulo se reuniram na noite desta segunda-feira (19) com representantes das categorias do transporte do Estado. O Governo ...

20/04/2021 10h13 Atualizada há 4 semanas
Por: Redação Fonte: Secom São Paulo
Foto : Reprodução/Governo do Estado de São Paulo
Foto : Reprodução/Governo do Estado de São Paulo

Líderes do Governo de São Paulo se reuniram na noite desta segunda-feira (19) com representantes das categorias do transporte do Estado. O Governo ouviu o pleito dos trabalhadores e vai analisar a possiblidade de vacinação destes profissionais. A princípio, um grupo de trabalho será formado entre as partes para que seja possível a elaboração de um cronograma de imunização.

“A Secretaria de Estado de Saúde recebeu a determinação do Governador João Doria de se debruçar na vacinação da categoria. O Estado entende que é importante imunizar os trabalhadores do transporte, não só pelos riscos que correm, mas, sobretudo, por serem essenciais no funcionamento da sociedade. Assim como fizemos com outras categorias, precisamos construir de forma coletiva este plano”, disse o Secretário-Executivo da Saúde, Eduardo Ribeiro.

Durante a reunião, os representantes do Governo de SP ressaltaram também a importância do Governo Federal de viabilizar mais vacinas, não só para atender a estes segmentos, mas a todos os brasileiros.

Segundo os representantes do Governo, infelizmente, por uma postura errática da União no ano passado, o Brasil esnobou 130 milhões de doses de vacinas contra a COVID-19 – 60 milhões do Butantan e 70 milhões da Pfizer.

O Governo de São Paulo, por meio do Instituto Butantan, é responsável por 7 a cada 10 doses aplicadas no país e espera que o Governo Federal seja mais ágil para providenciar alternativas para a imunização da população.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.