Quinta, 29 de Julho de 2021 09:15
61 99943-0207
Segurança Pará

Operação Tiradentes, em Santarém, apreende carro clonado e registra porte ilegal de arma

Ação segue até domingo (25) e envolve Detran, Polícias Civil e Militar, Secretarias de Meio Ambiente (Semma), de Trânsito, Bombeiros, entre outros órgãos

21/04/2021 14h41 Atualizada há 3 meses
Por: Redação Fonte: Secom Pará
Agente fiscaliza documentação de condutor em ação da Operação Tiradentes, nesta terça-feira (20), em Santarém, no oeste do estado
Agente fiscaliza documentação de condutor em ação da Operação Tiradentes, nesta terça-feira (20), em Santarém, no oeste do estado

Teve início na noite desta terça-feira (20), e segue até o próximo domingo (25), em Santarém, a Operação Tiradentes, que visa a equilibrar o fluxo de trânsito e coibir acidentes e mortes, além de orientar motoristas com o objetivo de garantir um feriado e final de semana, mais tranquilo na cidade. Entre os órgãos envolvidos, estão Detran, Policia Rodoviária Federal, Polícia Militar, Secretarias municipais de Meio Ambiente (Semma), de Trânsito, também a Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Estadual e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Na noite desta terça-feira, a operação foi realizada no cruzamento das avenidas Tancredo Neves e Cuiabá. A primeira dá acesso ao bairro da Nova República, um dos maiores e mais movimentados de Santarém; a Cuiabá, é entrada e saída da BR-163. Durante a ação, nesta primeira noite, agentes do Detran apreenderam um carro clonado e uma pessoa foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil, por portar uma arma de fogo, sem porte legal.

“Após a verificação no veículo, foi constado um lacre adulterado, foi feito o procedimento para que ele (motorista) resolva junto ao Detran, o problema do lacre, o condutor fala que comprou o carro em outro município e que fez o procedimento correto, em Santarém, mas os agentes constaram essa irregularidade, então será feito esse procedimento”, informou o chefe da Fiscalização do Detran, Marlon Azevedo.

Já a Policia Rodoviária Federal abordou um homem que portava um revólver calibre 38 e munições. “Nós estávamos aqui, e avistamos um condutor de motocicleta, que aparentou uma atitude suspeita, ao fazermos a abordagem e revista, encontramos esse (revólver) 38, mais munições. Ele foi conduzido até a delegacia de Policia Civil, por porte ilegal de arma", disse o chefe da PRF, Jailson Silva.

Condutores, que estavam com seus veículos e documentação em dia, elogiaram a iniciativa dos órgãos de Segurança Pública. "Isso, para mim, é ideal, porque têm muitas pessoas que andam irregular e acabam prejudicando os outros, quem não têm habilitação ou quem não está com a documentação em dia, são as pessoas que acabam provocando acidentes”, opinou a motorista Márcia Moreira.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.