Domingo, 01 de Agosto de 2021 08:01
61 99943-0207
Geral Mato Grosso do Sul

Funtrab intermediou mais de 10 mil vagas de emprego no primeiro trimestre de 2021

No primeiro trimestres neste ano foram disponibilizadas 10.205 vagas de empregos para os trabalhadores no Estado por meio da Fundação do Trabalho d...

25/04/2021 08h25 Atualizada há 3 meses
Por: Redação Fonte: Secom Mato Grosso do Sul
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

No primeiro trimestres neste ano foram disponibilizadas 10.205 vagas de empregos para os trabalhadores no Estado por meio da Fundação do Trabalho de MS (Funtrab).  Os 10 principais municípios que mais oportunizaram vagas por meio das agências públicas do Estado neste primeiro trimestre de 2021 foram: Amambaí com 2.148 vagas, Campo Grande (1.193), Dourados (814), Aquidauana (765), Iguatemi (641), Caarapó (558), Miranda (495), Ponta Porã ((439), Sonora (391), Nova Andradina (356).  

O diretor presidente da Funtrab Marcos Derzi reforça a importância da captação de vagas, “A função da Funtrab como agência pública é ajudar os trabalhadores, a intermediação de mão de obra serve para auxiliar na busca por uma oportunidade de emprego, encurtar distâncias, diminuir o gasto com logística, dentre outras, ” declarou Derzi.  

Os setores que se destacam são: agropecuária com 4.055 oportunidades de empregos, comércio (1.760), serviços (1478), indústria (1.250), organismo internacional (907), construção (639), informação e comunicação (77), financeiro (39).  

O município de Amambai se destacou como o que mais abriu vagas por meio da Funtrab, com oportunidades de trabalho para o agronegócio (1.148 vagas) nas funções de tratorista, trabalhador rural, operador de máquinas agrícolas, capataz, peão campeiro, dentre outras, e no comércio com 683 oportunidades. 

A Capital se destacou como o segundo município que mais gerou oportunidades por meio da Funtrab, nos setores do comércio com 358 vagas e no de serviços com 375 oportunidades intermediadas.  A Funtrab possui 33 agências públicas de empregos no MS, a sede na Capital e as Casas do Trabalhador no interior.

Magna Melo, Funtrab

Foto: Edemir Rodrigues

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.