Domingo, 26 de Setembro de 2021
Geral BR-163

Aporte de R$ 100 milhões do Governo de Santa Catarina para BR-163 será discutido nesta terça-feira

Infraestrutura precária na malha viária da BR-163 é considerada um dos principais entraves ao desenvolvimento das atividades econômicas

17/08/2021 às 09h15 Atualizada em 17/08/2021 às 09h41
Por: Redação Fonte: Secom Santa Catarina
Compartilhe:
Foto: Julio Cavalheiro / Secom
Foto: Julio Cavalheiro / Secom

A infraestrutura precária na malha viária da BR-163 é considerada um dos principais entraves ao desenvolvimento das atividades econômicas no Extremo-Oeste. Por isso, a urgente necessidade da reabilitação da rodovia, no trecho entre São Miguel do Oeste e Dionísio Cerqueira, será um dos assuntos abordados pelo governador Carlos Moisés em audiência pública com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, no Senado, nesta terça-feira, 17, em Brasília.

A proposta do Governo do Estado, que inclusive já foi aprovada pela Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), é aportar com recursos próprios R$ 350 milhões a serem aplicados em três rodovias federais:BR-470, lotes 1 e 2 entre Navegantes e Gaspar, no Vale do Itajaí;na BR-280, entre Joinville e São Francisco do Sul, no Norte, e na 163.

“O Governo precisa estar presente, parceiro das ações que realmente vão amenizar o transtorno das pessoas, além de levar mais segurança, oportunidades, renda e desenvolvimento. As rodovias são federais, mas quem transita por elas são os catarinenses”, disse o governador Carlos Moisés.

Para a BR-163, a intenção é investir R$ 100 milhões. Com os recursos será possível acelerar as obras, garantindo a fluidez e segurança do trânsito, além da redução sobre os custos de transporte em geral e a diminuição no número de acidentes.

Acompanham o governador Carlos Moisés nesta terça-feira, 17, o secretário da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, o presidente da Alesc, Mauro de Nadal e o procurador-geral do Estado, Alisson de Bom de Souza.

 

 

Siga o Portal On Truck nas redes sociais. Estamos no Facebook, Instagram e Linkedin. Acompanhe também os nossos vídeos em nosso Canal no Youtube e receba as notícias diárias em nosso Grupo de WhatsApp. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Enquete