Domingo, 26 de Setembro de 2021
Geral RSC-287

Nova concessionária assume RSC-287 a partir de terça (31)

Contrato estabelece que 65% da rodovia devem estar duplicados até o nono ano de concessão

31/08/2021 às 08h18 Atualizada em 31/08/2021 às 08h21
Por: Redação Fonte: Secom Rio Grande do Sul
Compartilhe:
Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini
Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini

A concessão da RSC-287 à iniciativa privada se tornará realidade a partir da 0h de terça-feira (31/8), quando o grupo Sacyr assumirá os 204,5 quilômetros da rodovia pelos próximos 30 anos.

Com a vigência do contrato assinado em julho passado, os espanhóis estão autorizados a executar obras e serviços no trajeto entre os municípios de Tabaí e Santa Maria. O volume de investimentos previsto é de R$ 2,7 bilhões e inclui a tão esperada duplicação de todo o trecho concedido.

“Esse é um momento histórico para o Estado. Depois de mais de 20 anos, voltamos a ter uma concessão de rodovia. É a consolidação de um modelo de gestão baseado na parceria público-privada, em que todos ganham. Estamos mirando o futuro do Estado, gerando desenvolvimento econômico por meio da melhoria logística em um corredor tão importante para o Estado”, disse o secretário de Parcerias, Leonardo Busatto.

De acordo com o secretário de Logística e Transportes, Juvir Costella, os primeiros pontos duplicados da RSC-287 serão os trechos urbanos, junto aos acessos cortados pela estrada. As intervenções devem iniciar em Tabaí, passando por Santa Cruz do Sul e municípios vizinhos, até Santa Maria.

"Já teremos R$ 1 bilhão investidos logo nos primeiros dez anos, o que mostra o quanto esse modelo de parcerias é capaz de acelerar o desenvolvimento da malha viária do Rio Grande do Sul", destaca Costella. "A duplicação não apenas facilitará o deslocamento das pessoas e o encurtamento do trajeto entre diferentes regiões gaúchas, como também será fundamental para que possamos preservar vidas."

O contrato estabelece que 65% da rodovia devem estar duplicados até o nono ano de concessão, contemplando os 133 quilômetros de Tabaí a Candelária. Toda a obra beneficiará diretamente 12 municípios.

Com a nova concessão, a tarifa de pedágio baixará de R$ 7 para R$ 3,70 a partir da meia-noite desta segunda-feira (30/8). O Grupo Sacyr vai administrar as praças já existentes em Venâncio Aires e Candelária. Em agosto do ano que vem, serão implantadas estruturas de cobrança também em Tabaí, Paraíso do Sul e Santa Maria.

 

Canal On Truck

 

Siga o Portal On Truck nas redes sociais. Estamos no Facebook, Instagram e Linkedin. Acompanhe também os nossos vídeos em nosso Canal no Youtube e receba as notícias diárias em nosso Grupo de WhatsApp. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Enquete