Terça, 07 de Dezembro de 2021
Geral Paralização

Categoria consegue derrubar liminares que impediam bloqueios e as paralisações continuam

A categoria vem derrubando essas liminares em diversos estados do país

03/11/2021 às 16h50
Por: Redação Fonte: Uol
Compartilhe:
Foto: Reprodução Internet
Foto: Reprodução Internet

Segundo o Conselho Nacional do Transporte Rodoviário (CNTRC), após derrubada de liminares contra o bloqueio de estradas no Brasil, durante a greve dos caminhoneiros, volta a crescer adesão ao movimento, que é contra o PPI e os altos preços dos combustíveis no Brasil. Nas redes sociais do conselho, diversos vídeos com bloqueios pacíficos foram postados, na madrugada desta quarta-feira (3).

 

Mesmo com fraca adesão, caminhoneiros autônomos prometem manter a greve nacional, iniciada na segunda-feira, 1º de novembro, em protesto contra a alta de preços do óleo diesel.

 

 

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes e Logística (CNTTL) também segue fazendo publicações e convocando mais profissionais a aderir à greve que, segundo a categoria, continua.

 

Liminares derrubadas

 

A desembargadora federal Ângela Catão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF 1) suspendeu 11 liminares que impediam os caminhoneiros de bloquearem as rodovias durante paralisação. A magistrada declinou a competência para a Justiça do Trabalho "haja vista a incompetência absoluta desta Justiça Comum Federal para o processamento e julgamento das referidas demandas", escreveu no Agravo.

 

Em vídeo, um dos líderes da categoria, Wallace Landim, o Chorão, informa que foram derrubadas as liminares em Minas Gerais, Pará, Tocantins, Bahia, Amazonas, Piauí, Roraima e Maranhão e que continuam tentando derrubar as de outros estados como São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Ele também fez um apelo para que a população, motoboys, motoristas de aplicativos, de transporte escolar e taxistas se unam ao movimento contra o aumento dos combustíveis.

 

29 liminares contra os bloqueios

 

O SBT News ainda não conseguiu uma posição da Advocacia-Geral da União, que entrou com 29 decisões liminares contra o bloqueio das estradas durante a paralisação programada pela Associação Brasileira de Condutores de Veículos Automotores (Abrava).

 

 

Siga o Portal On Truck nas redes sociais. Estamos no FacebookInstagram e Linkedin. Acompanhe também os nossos vídeos em nosso Canal no Youtube e receba as notícias diárias em nosso Grupo de WhatsApp

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários