Terça, 07 de Dezembro de 2021
Economia Mato Grosso do Sul

Setores do transporte comemoram isenção e redução da alíquota do IPVA no MS

Setor engloba, caminhoneiros autônomos, fretistas e profissionais do transporte escolar

14/11/2021 às 10h36 Atualizada em 14/11/2021 às 10h41
Por: Redação Fonte: Secom Mato Grosso do Sul
Compartilhe:
Foto: Edemir Rodrigues
Foto: Edemir Rodrigues

Setores que trabalham com transporte, como caminhoneiros autônomos, fretistas e profissionais do transporte escolar comemoram as mudanças anunciadas pelo governador Reinaldo Azambuja, na cobrança do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) para 2022.

 

Entre elas a isenção no pagamento do imposto aos veículos com mais de 15 anos de fabricação, aos ônibus e vans escolares, assim como automóveis de bares, restaurantes e empresas do segmento turismo. Também reduziu a alíquota de 2% para 1,5% aos caminhões e ônibus, 3,5% para 3% aos carros.

 

Para os fretistas a redução da alíquota já se trata de um “alívio” para o ano que vem, depois do aumento de despesas que a classe teve em função dos preços dos combustíveis nos últimos anos. A expectativa é que se reduza os custos com os veículos, tendo carga tributária menor.

 

Há 40 anos realizando o serviço, Ezídio Mafessoni, destacou que a redução no pagamento do IPVA será um alívio aos motoristas que realizam fretes na cidade. “Vai ajudar bastante, depois que os custos aumentaram como valor do combustível nos últimos anos. Para nós será um alívio pagar um IPVA mais barato, até para dar uma motivada na categoria”.

 

Motorista autônomo, Waldecir Demétrio, que trabalha nas estradas desde 1975, ponderou que a redução do IPVA ajuda nas despesas do começo do ano. “Se trata de uma boa notícia, um bom quebra-galho para diminuir os custos, já que trabalho com meu caminhão em 18 estados”.

 

Isenção do IPVA

 

Entre os grupos contemplados com isenção do IPVA, os profissionais de transporte escolar destacam que a medida é um “alento” para o grupo que teve grandes prejuízos durante a pandemia, já que tiveram que parar as atividades com a suspensão das aulas presenciais na rede pública e particular.

 

A categoria fez o pedido e foi contemplada pelo governador. “Fizemos esta solicitação ao governo devido os prejuízos que tivemos ano passado e fomos atendidos. Esta isenção reduz as contas para o começo do ano que vem”, explicou André Vicente Cruz, diretor-financeiro do Sintems (Sindicato dos Transportadores Escolares de MS).

 

Gilson Cristaldo, que trabalha no setor há 11 anos, lembra que janeiro é o mês de deixar o “carro em ordem” para o início das aulas em fevereiro, portanto a isenção chega em boa hora. “Ficamos livres do IPVA já é um alento para todos que trabalham neste setor no Estado”.

 

Para Cristina Aparecida Alves a medida é uma motivação para ela voltar para o ramo em 2022. “Quando começou a pandemia ficamos sem chão. Tivemos que mudar de atividade para pagar as contas, agora já vamos começar com uma conta a menos”. Ela atua no setor há 21 anos e volta os serviços no ano que vem.

 

 

Siga o Portal On Truck nas redes sociais. Estamos no FacebookInstagram e Linkedin. Acompanhe também os nossos vídeos em nosso Canal no Youtube e receba as notícias diárias em nosso Grupo de WhatsApp

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários