Quarta, 17 de Agosto de 2022
Segurança nas Estradas Prisão

Polícia e MPRJ prendem 9 em operação contra quadrilha que sequestra caminhoneiros por dias para transportar drogas

Agentes saíram para cumprir 11 mandados de prisão. Segundo as investigações, criminosos atraíam motoristas com falsas ofertas de frete e os mantinham reféns enquanto levavam entorpecentes

22/03/2022 às 09h18 Atualizada em 22/03/2022 às 09h21
Por: Redação Fonte: G1
Compartilhe:
Foto: Reprodução Internet
Foto: Reprodução Internet

O Ministério Público do RJ (MPRJ) e a Polícia Civil do RJ prenderam nesta terça-feira (22) nove pessoas na Operação Carga Pesada, contra uma quadrilha que sequestra caminhoneiros por vários dias e rouba os veículos para transportar drogas.

 

Cinco dos alvos já estavam encarcerados. Outros quatro haviam sido presos até a última atualização desta reportagem. Agentes saíram para cumprir 11 mandados de prisão preventiva no total.

 

 

• Compartilhe essa notícia no WhatsApp

• Compartilhe essa notícia no Telegram

 

A base do grupo criminoso é a comunidade do Mutirão, no bairro de São José do Imbassaí, em Maricá, sob o jugo do Comando Vermelho. Segundo as investigações do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco/MPRJ) e da 82ª DP (Maricá), o bando atraía motoristas para a localidade com falsas ofertas de contratação de frete.

 

O MPRJ afirma que os profissionais que caíam no golpe eram rendidos tão logo chegavam e ficavam reféns por dias e “sob graves ameaças, exercidas por meio de intimidação com armamento pesado e agressões”.

 

“Após os roubos, motoristas contratados pela facção tomavam a direção dos caminhões e se dirigiam até Mato Grosso do Sul, para carregá-los com grande quantidade de entorpecentes e abastecer comunidades dominadas pelo Comando Vermelho, a partir do Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo”, detalhou o MPRJ.

 

Ainda de acordo com o Gaeco, “as vítimas ficavam subjugadas por dias, privadas de água e alimentos, sendo obrigadas a atender telefonemas para evitar que os caminhões fossem apreendidos em rodovias”.

 

Segundo as investigações, o esquema é chefiado por Marcos Vinícius Dias Laurindo, o Lobo Mau — que controla o tráfico no Mutirão —, e por Wesley Gomes Toledo, o Pitbull.

 

Receba as notícias e vagas diárias em nosso Canal no Telegram [CLIQUE AQUI]

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários