Sexta, 12 de Agosto de 2022
Artigos Saiba Mais

Logística Integrada: o setor vem se aperfeiçoando e você precisa acompanhá-lo!

Acompanhe o nosso artigo para saber mais!

11/04/2022 às 09h45 Atualizada em 11/04/2022 às 10h04
Por: Redação Fonte: Redação
Compartilhe:
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Fala, pessoal! Beleza?

 

Estamos aqui hoje com mais um assunto sobre o universo das estradas!

 

Você deve ter percebido que o setor de logística vem se aperfeiçoando cada vez mais, né?

 

Depois da pandemia da Covid-19, então… Boom! Esse mercado deu um estouro!

 

Por isso trouxemos este artigo para você conhecer mais sobre a Logística Integrada!

 

Ficou curioso? Então, bora lá saber mais?

 

• Compartilhe esse artigo no WhatsApp

• Compartilhe esse artigo no Telegram

 

Aqui você encontra:

 

O que é logística integrada?

 

E foi por muito tempo que o ramo de logística seguia um conceito: o de armazenamento e transporte de mercadorias. Porém, o boom que a pandemia da Covid-19 trouxe ao mercado fez essa situação mudar radicalmente.

 

Se antes a mudança era feita em ritmo lento, agora, no entanto, revirou de vez. Hoje tal conceito se ampliou e engloba muito mais variáveis dentro de um negócio.

 

Os gestores entenderam a necessidade de uma maior interação entre fornecedores, produtos, suprimentos e clientes. Outro fator foi a tecnologia que auxiliou ainda mais essa interação.

 

Agora, fala-se em uma logística integrada, que trabalha em união com outras áreas, valendo-se de mais fatores para definir e desempenhar as suas atividades de uma forma mais ágil e eficiente.

 

Como o próprio nome indica, a logística integrada é a interação de todos os processos que a envolvem, desde a sua origem até a efetiva entrega do produto ao consumidor final. O resultado é uma gestão mais ampliada, na qual se permite um controle maior de todos os processos.

 

Por exemplo, hoje, as empresas podem ter informações precisas sobre as condições dos seus fornecedores, como estoque, transporte etc. Ou seja, podem se programar com mais eficiência para a garantia de que o processo logístico siga um fluxo contínuo e seguro.

 

A logística integrada na prática

 

Falar em logística integrada é falar de uma cadeia de atividades, em que cada uma tem a sua importância, mas, se somadas, compõem um sistema de grande relevância para a estratégia de negócios da empresa.

 

Primeiro de tudo é vital entender que a comunicação é a peça-chave deste processo. E, assim,  o compartilhamento de informações é fundamental para uma tomada de decisão mais precisa e articulada.

 

E como seria isso na prática?

 

De maneira objetiva, a logística integrada garante eficácia na disponibilidade dos serviços, agilidade nas entregas e a cereja do bolo: a satisfação do consumidor. 

 

Para que você entenda melhor, o setor de estoque de uma empresa fornece:

 

  • Informações ao setor de compras para avaliação da necessidade do que comprar;

  • Que, por sua vez, repassa-as aos fornecedores;

  • Comunicando a disponibilidade do que a empresa necessita (bem como os prazos para entrega, etc). 

 

Percebe como há uma cadeia integrada de comunicação? Vamos para mais explicações. 

 

Acompanhe os próximos tópicos!

 

Fazendo a logística integrada funcionar

 

Expressivamente, é possível determinar uma característica de integração por todo o processo o qual se associa à logística, desde a pré-produção até o ponto em que o produto é entregue ao cliente final.

 

Para isso, as empresas que almejam implantar a logística integrada precisam de um mecanismo capaz de realizar o controle em todo o fluxo logístico. Dessa forma será possível organizar toda essa série de tarefas.

 

Delegue exatamente os responsáveis pelas atividades de cada área envolvida, como nos campos de planejamento e implementação, e que controle terá cada etapa.

 

Esse é o truque principal para que seja possível proporcionar agilidade no caso de ocorrer algum imprevisto e seja possível prever falhas e evitar prejuízos, dando um tempo para que sejam solucionados.

 

3 etapas da logística integrada

 

Agora que você entendeu melhor como funciona e quais são as vantagens da logística integrada, vamos te mostrar 3 tipos. Acompanhe!

 

1. Fluxo dos materiais: essa é a área que vai atuar diretamente com a entrada e saída de matérias-primas, a fim de evitar desperdícios e amenizar o máximo de perda de materiais. Outra função que pertence a quem for lidar nesse setor é ter habilidade e técnica para saber negociar a melhor maneira de providenciar meios de transporte. Outra peculiaridade muito importante é o convívio com os fornecedores, como saber acelerar todo o processo de produção.

 

2. Circulação das matérias-primas: trata-se das funções do profissional que será o encarregado por realizar tarefas ligadas ao deslocamento de matérias-primas e insumos capazes de acelerar toda a linha de produção. Esse profissional também fica responsável pelo tempo gasto em todo esse processo na logística, com o objetivo de que seja o mais eficiente possível e evite quaisquer atrasos.

 

3. Transporte e distribuição: aqui, o produto chega ao destino, tanto nos pontos de distribuição como nos pontos de vendas ao consumidor final. Ressalta-se que tudo deve estar dentro dos moldes exigidos de qualidade e valores competitivos. Esse mecanismo pode ser explicado de modo bastante simples: listando todas as etapas da logística dentro da empresa, desde o início da produção, passando pelas vendas e, ao final, alcançando o consumidor.

 

A efetividade da logística integrada

 

Conseguir agilidade em distintos processos significa ter controle do fluxo logístico. Isso se traduz em organizar todas as atividades dos setores da empresa de modo simultâneo e otimizado, desde a origem da matéria-prima até o transporte e distribuição do item ao consumidor final.

 

Em síntese, a opção da logística integrada pela empresa propicia as seguintes vantagens:

 

- Rapidez da área de produção;

- Sistematização dos processos;

- Credibilidade das Informações;

- Diminuição de custos dos processos logísticos;

- Minimização de desperdícios produtivos;

- Ordenação de tempo de movimentação de itens;

- Disposição e coordenação de todos os processos;

- Organização eficaz e inteligente.

 

Com essa administração, o foco em aprimoramento deixa de estar apenas nos processos logísticos para otimizar os resultados de todos os momentos envolvidos, do empreendimento e da cadeia, de uma forma geral.

 

7 benefícios da logística integrada

 

Como você pôde ter visto aqui, inovar os processos logísticos, otimizar seus sistemas e o fluxo de trabalho são alguns exemplos de benefícios que uma logística integrada consegue proporcionar. 

 

A notícia é que existem ainda mais outros destaques e nós vamos te mostrar agora!

 

1. Reduz custos operacionais: uma visão estratégica, de maneira direta, que permite um planejamento operacional a custos reduzidos, pois cria-se um ambiente mais eficiente e produtivo.

 

2. Aumenta a lucratividade: com a ajuda das tecnologias, o trabalho das diferentes áreas envolvidas com a logística é melhorado, e cada uma das funções é exercida de forma pensada e articulada para disponibilizar as melhores condições para o caixa do seu negócio.

 

3. Satisfaz os stakeholders: primeiro de tudo: stakeholder é um termo que indica fornecedores, funcionários e clientes. Levando em consideração que a estrutura logística estará melhor coordenada, o contentamento de todos os envolvidos com tais processos também se torna um fato.

 

4. Torna os processos mais ágeis: um sistema de logística que trabalha de forma integrada com diferentes setores permite uma maior agilidade nos processos da sua empresa. A comunicação estratégica entres todas as etapas da logística facilita significativamente a tomada de decisão, pois mais pessoas acabam se envolvendo, poupando tempo e melhorando a qualidade das decisões. Em outras palavras, todos esses fatores contribuem para que os processos sigam um fluxo contínuo. Evitando interrupções por falta de informações vindas de outras etapas ou por falta de sincronia na cadeia logística.

 

5. Gera uma vantagem competitiva: a empresa que possui uma cadeia logística precisa e eficiente, sem dúvida alguma, sai à frente na competição empresarial. Afinal, não é novidade para ninguém que os processos que envolvem o transporte de produtos é um dos mais valorizados pelo consumidor final.

 

6. Diminui os riscos: outro benefício da logística integrada é a diminuição dos riscos comuns aos processos de controle, movimentação, armazenamento e distribuição de mercadorias. Como a logística integrada equivale a um planejamento sistêmico — ou seja, à constituição de um sistema de controle e gerenciamento —, quaisquer operações e dados estarão adequadamente interligados entre si.

 

7. Otimiza a gestão: integrar toda a cadeia de processos logísticos torna a gestão da logística muito menos complexa. O gerente acaba tendo um controle maior sobre as informações e, de maneira geral, sobre tudo aquilo que é importante para o seu trabalho. Isso facilita a tomada de decisão e a identificação da necessidade de alguma intervenção. Além disso, a melhora na comunicação entre os envolvidos facilita a dinâmica do trabalho e o seu acompanhamento, pois permite que o gestor saiba exatamente onde deve intervir e a quem se reportar, caso algum problema seja identificado.

 

O portal On Truck espera que você, nosso leitor companheiro, tenha gostado e aprendido com o tema deste artigo!

 

Por isso, pedimos para você compartilhar nos grupos de Zap e Facebook da rapaziada!

 

Até a próxima!

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários