Domingo, 03 de Julho de 2022
Segurança nas Estradas Conscientização

Maio Amarelo representa marco importante para diminuição de acidentes de trânsito

No Brasil ainda morrem mais de 30 pessoas por dia em acidentes de trânsito, mesmo com diminuição do número de carros circulando nas cidades e estradas por causa da pandemia

17/05/2022 às 09h20
Por: Redação Fonte: Fretadão
Compartilhe:
Foto: Reprodução Internet
Foto: Reprodução Internet

Criado em 2011 pela Organização das Nações Unidas (ONU), o Movimento Maio Amarelo surgiu para conscientizar a população dos altos índices de mortes e feridos em acidentes de trânsito. O Fretadão, startup de tecnologia que atua na gestão do transporte fretado, chega ao mês em que essa campanha está em evidência com bons resultados em termos de cuidados no trânsito e prevenção de acidentes.

 

A empresa abriu o ano de 2022 com o objetivo de reduzir as ocorrências de excesso de velocidade. Em janeiro, a média observada era de 14 para cada 100 km rodados por veículos a serviço do Fretadão. A partir do monitoramento de dados de telemetria e discos de tacógrafo, o número de ocorrências foi diminuindo de maneira expressiva. Ao ponto de fechar o mês de abril com apenas duas ocorrências a cada 100 km rodados.

 

“Conseguimos identificar situações que poderiam levar a incidentes e atuar preventivamente para que eles não se concretizem. Sempre demos a seriedade necessária às questões de segurança, e temos conseguido conscientizar cada vez mais nossos motoristas sobre a importância deste assunto”, afirma Gustavo Silva, engenheiro de segurança do Fretadão.

 

 

“Nossa maior vitória, neste caso, foi a rápida adesão dos colaboradores e motoristas a esta campanha, o que permitiu esta queda brusca no número de ocorrências”, completa Silva.

 

Em 2021 o Brasil registrou 11.647 mortes no trânsito, ou seja, a cada dia, 32 pessoas perderam a vida em acidentes, segundo levantamento do Ministério da Infraestrutura, que apontou mais de 630 mil acidentes em todo o país. Outro dado alarmante é que pelo menos 250 mil motoristas foram flagrados usando o celular no trânsito em 2021, mostra levantamento da Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet), com dados do Registro Nacional de Infrações de Trânsito (Renainf). 

 

Esses números e informações fazem com que diversas entidades e empresas realizem campanhas de conscientização no Maio Amarelo, mês escolhido especialmente para a conscientização contra acidentes no trânsito.

 

Nos últimos anos o transporte por ônibus fretado tem surgido como alternativa para melhorar o trânsito, em diversos aspectos. As empresas buscam este serviço com o objetivo de oferecer comodidade, conforto e segurança para seus colaboradores. E ao criarem um plano de mobilidade dos funcionários, as empresas conseguem mapear o deslocamento de seus colaboradores para as unidades de trabalho, buscando opções mais seguras para os funcionários e também a otimização de rotas, redução de riscos de acidentes e redução da emissão de poluentes gerados por veículos particulares.

 

“Para facilitar a administração destes diversos aspectos, as empresas que oferecem o benefício de transporte fretado para funcionários têm procurado o contar com um parceiro para a gestão de todos esses aspectos é uma opção”, afirma Antonio Carlos Gonçalves, CEO do Fretadão.

 

Sobre o Fretadão

 

Criado em 2014, o Fretadão é uma plataforma digital, com aplicativo e site, de transporte compartilhado de ônibus, micro-ônibus e vans, para que pessoas e empresas tenham opções de transporte de qualidade e com preços acessíveis em um só lugar. O Fretadão desenvolveu um modelo de negócio de gestão de fretados de ponta a ponta, gerenciando toda a cadeia de transporte

 

fretado, desde a experiência inicial do usuário até o compartilhamento de um fretado entre mais de uma empresa e usuários comuns. Atualmente transporta mais de 14 mil passageiros por dia, atende mais de 40 empresas e opera mais de 845 linhas de fretados nos estados da Bahia, Goiás, Minas Gerais, Pará, Rio Grande do Sul, São Paulo e no Distrito Federal.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários